RSS

Mário Soares reconhece que há descontentamento

13 Mar

É verdade sim senhora Mário Soares sabe do que fala,há sim senhora e aqui há muitos anos Mário Soares teve o mesmo problema político e da vida real, mas nesses tempos enviou a GNR cercar a Marinha Grande, mandou a GNR entrar na Marinha Grande  reprimir com agressões espancamentos e violência gratuita  pelas ruas da Marinha Grande os trabalhadores vidreiros das fábricas que estavam para fechar e colocar milhares de trabalhadores no desemprego, nessa altura os trabalhadores lutavam pela manutenção do seu posto de trabalho, levaram porrada até dizer chega, no dia de hoje os trabalhadores portugueses lutaram pelos seus direitos mas José Sócrates não enviou a GNR nem a PSP de choque repremir e agredir selváticamente os trabalhadores que se manifestavam pacificamente, são tempos diferentes estes que vivemos,mesmo que se vá a Lisboa de autocarro, é que nem de autocarro na altura se podia ir a Lisboa, nem a Leiria, nem à Nazaré, nem a S.Pedro de Moel, nem há  Moita,a GNR a mando de Mário Soares cercou a Marinha Grande e impediu a livre circulação de cidadãos.Agora são outros tempos, mesmo que o Primeiro-Ministro seja também do Partido Socialista, formas diferentes do socialismo democrático, ou a esquerda que se transforma.

Anúncios
 
2 Comentários

Publicado por em Março 13, 2009 em Day by day

 

Etiquetas:

2 responses to “Mário Soares reconhece que há descontentamento

  1. zé lérias

    Março 15, 2009 at 12:01 am

    Compreendo o seu ponto de vista. Porém, se fosse a si reflectia um pouco mais. Mudar do Benfica para o Porto é difícil, eu sei. Mas tente ver o PS de forma mais objectiva. Se o Mário Soares de então se portou como qualquer bom capitalista, olhe que o Sócrates de hoje podia ser seu mentor (se jé existisse na altura)…
    Bom fim-de-semana

     
  2. re21

    Março 16, 2009 at 9:30 pm

    Similar entre as duas épocas dos acontecimentos é o poder afirmar que aquela manifestação de 200 mil pessoas eram todos comunistas mauzões, no tempo de Mário Soares também era assim, os trabalhadores da Marinha Grande eram todos uma data de comunistas mauzões.Mas desta vez pelo menos não houve distribuição gratuita de violência.Mas esta coisa do PS ainda nos dias de hoje achar que os comunistas são mauzões já é mais “doença” do que “tique”.Mas a vida continua e nas 200 mil pessoas que se manifestaram certamente ia muito socialista.

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s